À espera de público recorde, Bananal mantém tradição do Carnaval.

A partir desta sexta-feira o tradicional Carnaval de Bananal começa sob a expectativa de atrair dezenas de milhares de foliões.

Amparado por uma infra-estrutura que pretende ao menos repetir o êxito do ano passado, a expectativa é de atrair um público 30% superior em relação a 2015.

Reuniões preparatórias de secretarias municipais com representantes das policias civil e militar, CONSEG, Conselho Tutelar, COMTUR, comerciantes e vereadores já voltavam suas atenções para o fato de que muitos municípios vizinhos não organizarão o carnaval e boa parte dos foliões daquelas localidades vem na esteira da festividade em Bananal.

A expectativa é de que a somatória de público nos 5 dias de folia atinja a casa de 55 mil pessoas.

Baseado em dados extra oficiais do ano passado, a estimativa da Gazeta de Bananal é de que cerca de 8 mil pessoas estejam no centro histórico para se divertir na sexta-feira, primeiro dia de folia. O sábado e o domingo devem atingir o pico de 16 mil pessoas por noite. Nestes dois dias, a polícia não descarta a possibilidade de impedir a entrada de veículos na cidade se constatar uma eventual superlotação. A projeção para a segunda-feira gira em torno de 12 mil pessoas e, na terça, quando muitos começam a regressar para casa, um público semelhante ao da sexta-feira (8 mil) deve dar os últimos pulos da folia de 2016.

A segurança dos foliões é o foco dos trabalhos da policia. Logo no pórtico de entrada da cidade haverá grande rigor na vistoria dos veículos que chegarem. A blitz inclui a utilização de bafômetro para aferir a condição física dos motoristas. Os condutores de veículos serão avaliados quando chegarem e também quando saírem da cidade.

Milhares de folhetos serão distribuídos pela Prefeitura contendo a programação dos dias de folia e também orientações sobre a mão de trânsito nas ruas centrais no período carnavalesco.

A concentração de foliões no centro histórico de Bananal merecerá atenção das polícias, em conjunto com dezenas de seguranças, espalhados em pontos estratégicos.

A situação de menores de idade será acompanhada pelo Conselho Tutelar e a atenção médica será prestada por profissionais da saúde em tenda especialmente montada no entorno das praças centrais.

A localização de banheiros químicos e sua constante higienização também vão repetir a exitosa estratégia do ano passado. Eles servirão de complemento aos banheiros públicos de alvenaria já existentes, comumente destinados ao público feminino durante a festividade.

A infra-estrutura é complementada pela sonorização, iluminação, decoração, montagem de tendas para comercialização de produtos carnavalescos e praça de alimentação. Tudo nos moldes do ano passado, quando no reinado de Momo prevaleceu um ambiente familiar, adequado para os foliões de todas as idades (clique aqui para saber mais).

O único diferencial é que não haverá show com banda ao vivo. Mas, em contrapartida, estão garantidos a Caminhada Carnavalesca e os desfiles dos blocos que inegavelmente são a "alma" do maravilhoso Carnaval de Bananal.

  
Share on Google Plus

About Ricardo Luís Reis Nogueira

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários:

Postar um comentário