Empresa é inabilitada e licitação da SP-247 atrasa.

   A empresa paranaense Castellar Engenharia, que apresentou a melhor proposta para execução das obras na SP-247, foi inabilitada pela Comissão de Licitação do DER. 

  O procedimento licitatório considerou vencedora a empresa Souza Compec Engenharia e Construções Ltda., dona da 2ª melhor proposta, no valor de R$ 31.281.247,44.

  O valor orçado pelo DER foi de R$ 32.757.983,54. A proposta vencedora ficou abaixo desse valor, com R$ 1.476.736,10 a menos. A proposta da Castellar era 1,77 milhão inferior. 

  Serão executadas obras e serviços de recuperação, pavimentação, perenização e melhorias entre os Kms 0 e 35 da rodovia que leva o nome do ex prefeito de Bananal, Sebastião Diniz de Morais. 

  A abertura dos envelopes foi no dia 13 de maio, no Auditório da sede do DER, localizado no edifício da Secretaria de Logística e Transporte do Estado de São Paulo.

 O resultado, após julgamento e possíveis correções aritméticas, seria formalizado com a publicação no Diário Oficial do Estado de São Paulo. A sua demora foi o indicativo da existência do problema com a vencedora. A definição só veio cerca de dois meses depois.

A rodovia é considerada vital para a incrementação do turismo local. Dentre várias belezas naturais, ela dá acesso à Estação Ecológica de Bananal e a pousadas paradisíacas do Sertão da Bocaina.
 
Share on Google Plus

About Ricardo Luís Reis Nogueira

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários:

Postar um comentário