Mirian Bruno fala sobre 1º mês de mandato e organização do Carnaval.

  Exatamente um mês depois de assumir pela 2ª vez a chefia do Poder Executivo em Bananal, Mirian Bruno concedeu entrevista ao Blog em seu Gabinete, na manhã do dia 1º de fevereiro.

  Demonstrando serenidade, a Prefeita respondeu a 12 perguntas, sendo 5 delas formuladas por leitores do Blog Bananal On Line.
 
Mirian Bruno com os netos Caio e Manoela no ato da posse. FOTO: Roberta Valente.
Falou sobre a crise encontrada na Prefeitura, os reflexos da falta de transição de governo, a relação com a Câmara Municipal, a viagem e os contatos realizados em Brasilia durante o Encontro com Novos Prefeitos e Prefeitas, projetos para o ecoturismo, recuperação de prédios históricos e também sobre os esforços por melhorias na área de saúde.

  Ao falar sobre as parcerias e a superação para organizar o Carnaval 2013 em Bananal, a Prefeita demonstrou bom humor e fez brincadeiras.

  Ficou emocionada durante alguns pontos da entrevista, inclusive ao tecer as considerações finais, quando pediu para que a população reze por ela e sua equipe na missão de recuperar as finanças do município.

- A REAÇÃO AO SE DEPARAR COM O QUADRO CRÍTICO NA PREFEITURA.

A primeira pergunta formulada veio do internauta Renato Cunha. Ao descrever sua reação com os desmandos constatados na administração pública a Prefeita revela que chorou ao verificar o estado deteriorado do prédio da Unidade Mista de Saúde.


   
   
   

- A AVALIAÇÃO DA SÉRIE DE REPORTAGENS SOBRE O CAOS ENCONTRADO.

A Prefeita tece consideração sobre as reportagens realizadas pelo Blog, mostrando uma série de problemas e irregularidades deixadas pela administração David Morais.


   
   
   
 
- A IMPORTÂNCIA DA EXPERIÊNCIA ANTERIOR NA PREFEITURA PARA ENFRENTAR A CRISE.

Mirian Bruno revela o quanto a experiência do mandato anterior (2005-2008) está servindo para conduzir sua equipe de trabalho neste momento de superação administrativa.


   
   
   

- OS REFLEXOS DA FALTA DA TRANSIÇÃO DE GOVERNO.

A pergunta restabelece uma verdade, sobre a realização da transição de governo em 2008. A Prefeita revela detalhes da transição feita na época e explica o quanto a falta de transição, no ano passado, prejudica seu inicio de governo.


   
   
   

- O PAGAMENTO DE DUAS FOLHAS SALARIAS EM MENOS DE UM MÊS.

A Prefeita explica como conseguiu pagar a folha salarial de dezembro no dia 11 de janeiro e antecipar o pagamento dos servidores do mês de fevereiro antes de completar um mês de mandato, mesmo encontrando o caixa da Prefeitura zerado.


   
   
   

- O RELACIONAMENTO PRETENDIDO COM A CÂMARA DE VEREADORES.

A Chefe do Executivo é levada a falar sobre a já perceptível tentativa de interação com o Poder Legislativo. Revela que, além da necessidade de somar esforços para recolocar o município nos trilhos, pretende corrigir erros que reconhece ter cometido no mandato anterior, dando mais atenção à demanda de trabalho dos vereadores.


   
   
   

- AS MEDIDAS PARA MELHORAR A ÁREA DE SAÚDE.

À pergunta dirigida pela internauta Joana Bueno, a Prefeita dissertou sobre os problemas encontrados, as providências para implantar uma nova dinâmica de trabalho e a ansiedade de mostrar resultados o quanto antes.


   
   
   

- A PARTICIPAÇÃO NO ENCONTRO DO GOVERNO FEDERAL COM NOVOS PREFEITOS E PREFEITAS EM BRASILIA.

Mirian Bruno explana sobre a participação no evento na capital federal e seu rápido encontro com a Presidenta Dilma Roussef, com o Ministro da Saúde, Alexandre Padilha e com o Deputado Ricardo Berzoini, que já providencia recursos para a saúde em Bananal.


   
   
   

- AS PROPOSTAS PARA O ECOTURISMO E RECUPERAÇÃO DO PATRIMÔNIO HISTÓRICO.

Respondendo a pergunta da internauta Raquel Biderman, a Prefeita projeta para um futuro próximo medidas para o ecoturismo. Em primeira mão, revelou projetos de recuperação da Igreja Matriz e recursos para restaurar prédios históricos, inclusive os de propriedade particular.


   
   
   

- A SUPERAÇÃO PARA ORGANIZAR O CARNAVAL E O APOIO DO COMÉRCIO.

A Prefeita disserta sobre os esforços para promover o Carnaval 2013 e revela satisfação com o grau de apoio do comércio, das policias e de voluntários.


   
   
   

- AS MEDIDAS DE SEGURANÇA A SEREM ADOTADAS NO CARNAVAL 2013.

Atendendo pergunta da internauta Moema Nogueira, a Prefeita explicou como serão adotadas as medidas de segurança em conjunto com a policia.


   
   
   

- O GÊNERO DE MÚSICAS TRADICIONAIS A SEREM TOCADAS NO CARNAVAL 2013.

Abordando questionamento do internauta Paulo Henrique Almeida sobre o repertório de músicas carnavalescas, a Prefeita mostra descontração para revelar sua predileção por marchinhas e sambas enredo e também a concessão por Axé para agradar as gerações mais jovens.


   
   
   

- AS CONSIDERAÇÕES FINAIS.

No encerramento da entrevista, Mirian Bruno brinca cvom a realização do Carnaval em Barra Mansa, traça paralelos com o futebol e pede para que população reze por ela e sua equipe.


   
   
   
Share on Google Plus

About Ricardo Luís Reis Nogueira

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

9 comentários:

  1. Amei essa entrevista. A-DO-REI! A gente fica bem informada, se solidariza com a emoção na voz da prefeita e sente segurança em constatar que é com ela que Bananal está mãos. Mãos seguras e serenas de uma mulher forte. Deus a abençoe e rezarei sim por você prefeita.

    ResponderExcluir
  2. Nossa como a Miriam mudou hein deve ter sido abduzida para outro planete e voltou atendendo até o povo em seu gabinete só espero que não seja lobo em pele de cordeiro estamos de olho.

    ResponderExcluir
  3. Bananal soube escolher, a idade foi decisiva, a experiência vai fazer a diferença para manter o equilíbrio para uma boa administração. Gostei da entrevista. O momento é oportuno, portanto: Música de Carnaval no Carnaval! Tenho certeza que a Prefeita vai se esforçar para o resgate de outras tradições, presenciei isto na adm 2005-2008, dentre outras, a festa do Bom Retiro e a folia de Reis.

    ResponderExcluir
  4. Caro amigo, sou um frequentador constante de seu blog, acompanho todas suas publicações e te felicito pelas ótimas matérias neste postadas. Analizando sua ultima matéria postada, entrevistando a Exma. Sra. Prefeita Municipal, onde claramente fala de suas dificuldades quanto ao exercício de suas funções, não pude deixar de vasculhar alguns dados junto a Secretaria da Fazenda Estadual, no tocante ao repasse de verbas, mais especificamente os repasses do FPM (fundo de participação dos municípios), pude constatar que os valores relatados na quinta pergunta respondida pela Sra. Prefeita, referente aos salários dos servidores municipais, não coincidem com os valores repassados no FPM que até a data de hoje somam-se R$ 305.621,66 (trezentos e cinco mil, seiscentos e vinte e um reais e sessenta e seis centavos) (https://www.fazenda.sp.gov.br/RepasseConsulta/Consulta/repasse.aspx). Pois bem, como ficou bem claro na resposta da Prefeita, a folha salarial de dezembro do ano passado ficou em quase R$600.000,00 (seiscentos mil reais), folha paga no sexto dia útil de janeiro. Já o segundo pagamento dito pela Prefeita e ja pago no dia 31 do corrente mês, somou-se por volta de R$480.000,00 (quatrocentos e oitenta mil reais), somando-se os dois valores temos um total de R$1.080.000,00 (um milhão e oitenta mil reais. Pergunto, qual prefeitura, de cerca de 11.000 habitantes, recebe R$1.080.000,00 de FPM dentro de um mesmo mês? Conclusão: Ou nossa prefeitura tem um caixa dois, e me refiro a investidores, a exemplos daqueles capitalistas que investem certas quantias para obtenção de lucros posteriores, ou realmente um milagre financeiro aconteceu nos cofres públicos.

    Acredito que as informações dadas pela Prefeita são contraditórias, e sem base técnica, pois o FPM não é creditado de cinco em cinco dias, e o senhor sabe bem disso Sr. Blogueiro.
    Não direciono a ela o erro das informações, e sim a sua equipe financeira, pois não é Competência do gestor municipal ficar dia-a-dia consultando repasse de valores. Isso leva a uma simples pergunta: Será que a equipe financeira da atual administração tem capacidade técnica para gerenciar os valores da Prefeitura?

    ResponderExcluir
  5. Dá-lhe Dona Miriam3 de fevereiro de 2013 19:25

    O anônimo aí de cima é ingênuo ou mal intencionado. Daí se pode notar como a inveja e má vontade politica cega as pessoas. A prefeita não falou só de repasse de FPM. Até ouvi a entrevista de novo e ela foi clara ao mencionar recursos do Fundeb (onde são pagos os professores da rede municipal) e outras fontes de repasse. Limpa o ouvido e presta atenção antes de postar besteira Sr. anônimo.

    ResponderExcluir
  6. Apoio o comentário Dá-lhe Dona Miriam. Não entendo muito de economia mas posso dizer que recebi meu salário depois de passar anos sem saber a data certa de receber e ficar dezembro sem saber se receberia nem o 13º. Meu salário agora tá em dia e agradeço muito a Dona Miriam. Eu e centenas de colegas funcionários. Pelo menos ela respeita a gente e a nossa familia.

    ResponderExcluir
  7. Bananal minha terra meu amor3 de fevereiro de 2013 20:19

    O sujeito se dá ao trabalho de somar os recursos do FPM pra tentar contraditar a prefeita, achando que só entra dinheiro do FPM e sem considerar que o pagamento de centenas profissionais da educação, não só professores, é feita com repasses do Fundeb. Por essas e outras que Bananal patina e não cresce. Pela inveja politica que não deveria existir neste dificil momento para a cidade. Se a união prevalecesse essa cidade seria outra.

    ResponderExcluir
  8. Gente a eleição acabou em outubro. Agora é torcer para que a prefeita eleita d~e conta do recado e melhore nossa cidade. Deixem de picuinhas e torcer contra. Tá na hora de se unir para o bem de todos nós e ajudar a prefeita no que for possivel. Se não ajudar, pelo menos não atrapalhem, criando fofoquinhas e continhas erradas. pronto, falei. fui.

    ResponderExcluir
  9. parabéns ao jornalista pela condução desta ótima e esclarecedora entrevista. Parabéns também a prefeita que transmite segurança, emoção e responsabilidade em suas colocações. Torço muito por Bananal e acho que a prefeita pode melhorar a cidade. Boa sorte a todos.

    ResponderExcluir